Sobre o tal Joanete…

Vamos falar de joanetes, porque o meu está me matando. Sim, sou uma jovem velha senhora! hahaahah

O joanete é a deformidade óssea que afeta mais mulheres do que os homens e ocorre quando há um desalinhamento entre os ossos e articulações dos dedos dos pé. Existem causas genéticas (60% das pessoas com joanetes têm história familiar da doença. – Oi, prazer, Cibele. Eu herdei o joanete das minhas duas avós. Tenho joanetes desde criança!) e mecânicas (uso de calçados apertados, anormalidade óssea do pé, uso abusivo de salto alto, doenças reumáticas) que podem agravar os casos de joanete.

 

joanetes

Joanetes não costumam apresentar sintomas, mas quando apresentam, os mais comuns são:

  • Saliência óssea na base do dedão;
  • Dor, rubor e calor na articulação por causa do processo inflamatório na articulação;

Não existe tratamento padrão para todos os casos de joanete. O médico avalia as condições e necessidades de cada paciente antes de propor um tratamento conservador ou cirúrgico. O tratamento conservador tem como proposta aliviar os sintomas e impedir a progressão do desvio.

Isso pode ser feito com medidas simples como trocar os sapatos apertados e duros por outros mais folgados e macios, sem salto ou com salto baixo. O bico deve ser arredondado ou quadrado (dependendo do formato do pé) para acomodar melhor os dedos e diminuir o atrito nas zonas de pressão. Também é recomendado a utilização de protetores ortopédicos sobre a área deformada da articulação, talas e separadores de dedos entre o dedão e o segundo dedo. Quando e se necessário, o médico pode prescrever medicamentos analgésicos e anti-inflamatórios.

Há casos mais graves que exigem solução cirúrgica.  Hoje a medicina oferece mais de cem técnicas diferentes que permitem corrigir a deformidade, restaurando as funções perdidas e eliminando os sintomas dolorosos.

Recomendações

  • Procure um ortopedista se seus pés estiverem doloridos ou notar alguma alteração no seu formato e aparência.
  • Uma reabilitação especial, como exercício específico para joanetes, pode ajudar na sua correção e melhoria.
  • Ande descalço, sempre que possível, especialmente em terrenos irregulares ou na areia, para fortalecer os dedos e articulações dos pés.
  • Procure usar protetores para a area do joanete. Além de amenizar o atrito na região eles também podem evitar o aparecimento e/ou crescimento de joanetes.
  • Não use o mesmo par de calçados por dias seguidos para evitar o atrito sempre no mesmo ponto dos pés.
  • Redobre a atenção e cuidados na hora de comprar sapatos. Eu aprendi a comprar calcados no final do dia, quando os pés já estáo inchados. Assim dá pra ter noção real se o calçado vai machucar ou não e quais os possíveis pontos de atrito. 

Gente, só pra contar, essas dicas e informações eu recebi do meu médico. Não saiam fazendo as coisas por conta, ok?!

 

XXX
Cibele

 

Anúncios